Pequenos grandes detentores da Cultura Popular

Um balão para lembrar o São João, Quadrilha junina Tralálá (São Vicente)

Em uma mescla de dança e teatro, aproximadamente 40 crianças dançaram uma quadrilha tradicional de festa junina no Circuito de Cultura Popular. Os pequenos detentores de uma das manifestações culturais mais tradicionais do Brasil fazem parte do Grupo Folclórico Cultural Tralálá, natural de São Vicente, cidade com a maior tradição de quadrilhas da Baixada Santista.

quadrilha

A tradicional festa junina surgiu em função das festividades, principalmente religiosas, que ocorrem durante o mês de junho em homenagem a três santos católicos: São João, São Pedro e Santo Antônio. A festividade foi trazida ao Brasil pelos portugueses durante o período colonial e aqui ganhou características particulares que encantam o público entre os meses de junho e julho.

Fundada em janeiro de 2015, interligada ao Centro de Convivência e Formação (Cecof) Jardim Pompeba, a Tralálá é a primeira quadrilha infantil profissional do Estado de São Paulo e visa trabalhar com crianças de 8 a 14 anos, através da dança. “Fazemos um trabalho social e educativo com a comunidade, realizando vários eventos em prol da mesma. No ano de 2016 tivemos a honra de passar na seleção do Circuito Popular, onde encerramos as apresentações da Junina infantil na temporada de 2016 neste evento que divulga a cultura brasileira que hoje nem todos reconhecem e valorizam”, destaca o coreógrafo Lennon Raphael.

Sorry, the comment form is closed at this time.