As lendas da região

Itanhaém, a pedra que canta, com Barbara Pappert (Itanhaém)

Com a voz potente, abraçando uma bandeira da segunda cidade mais antiga do Brasil e acompanhada por um violão, Barbara Pappert cantou e contou as lendas de Itanhaém – a pedra que canta, de acordo com o idioma tupi.

barbara

Em tempo: a montagem da intervenção musical contou com o apoio da historiadora Mari Ludovino, que auxiliou Barbara a intercalar as canções dos irmãos Zwarg com as lendas itanhaenses, cidade onde nasceu e cresceu. “A música foi a caminho que encontrei para contar a história e a cultura da minha cidade. Uma história muitas vezes não divulgada, mas que é repleta de belezas e significados”, destaca Barbara.

Com músicas que exaltam diversas cidades como São Vicente, Praia Grande, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Cananéia e Iguape, os irmãos Antonio Bruno, Ernesto e Tino Zwarg defenderam a preservação do meio ambiente e a valorização das culturas caiçara, indígena e quilombola do Litoral do Estado de São Paulo.

Sorry, the comment form is closed at this time.